Elmec, Elmec Comércio e Ind?stria, Chaves Elétricas, Chave de desalinhamento, logo elmec, Elmec bh, Elmec Belo Horizonte, Cavotec, Elmec Cavotec, Logotipo Elmec
Elmec, Elmec Comércio e Ind?stria, Chaves Elétricas, Chave de desalinhamento, logo elmec, Elmec bh, Elmec Belo Horizonte, Cavotec, Elmec Cavotec, Logotipo Elmec
Elmec | Chave Elétrica - Chave de Desalinhamento à Prova de Explosão FL-412 EXP

 

 

Aplicação: Utilizada para detectar desalinhamento em correias transportadoras.
Acionamento em dois estágios através de rolete de aço blindado com retorno automático.
Fornecida em robusta carcaça de ferro fundido nodular, ideal para serviço pesado em ambientes classificados à prova de explosão, Divisão 1, Classe 1, Grupo IIA T6

Produto com fabricação temporariamente suspensa
Especificações FL-412EXP
Operação  
Rolete de acionamento Aço blindado com rolamentos selados
Acionamento Dois estágios: 15° sinalização ; 30° parada
Retorno Automático, através de mola interna
Materiais  
Carcaça Ferro fundido nodular
Grau de proteção À prova de explosão, Divisão 1, Classe 1, Grupo IIA T6
Classe de isolação 500 V
Parafusos da tampa Tipo allen M8
Mecanismos internos Bicromatizados
Mancais e buchas Bronze
Pintura Poliéster, eletrostática
Cor de acabamento Amarelo segurança
Placa de indentificação Aço inoxidável
Peso 8,5kg
Contatos elétricos  
Acionamento dos contatos Simultâneo / ação positiva
Quantidade / tipo 1NA+2NF por estágio / microrruptor de ação rápida
Corrente / tensão 6 A / 230 Vca (AC-11) ; 3 A / 24 Vcc (DC-13)
Conexão elétrica 1 x ¾ “ rosca NPT
_
Opcionais Adicionar ao código Para obter o código do produto, adicione o(s) código(s) do(s) item(s) opcional(is) sequencialmente, após o código do produto padrão.
Ex: FL-412 EXP/1/P
( chave com acionamento em um estágio e fornecida com rolete de nylon)
Contatos 2NA+4NF (6 A x 230V) em apenas 1 estágio /C3
Contato magnético 1 NF (1A x 250 V) por estágio
imax = 1A; Vmax = 250V; Pmax = 50VA
/C4
Contato magnético 1 SPDT (1A x 250 V) por estágio
imax = 1A; Vmax = 250V; Pmax = 50VA
/C5
Acionamento em apenas um estágio a 15 graus /1
Conexão elétrica com rosca NPT /FN
Rolete de nylon maciço e haste de aço inoxidável /N
Rolete montado do lado oposto /o
Fornecer com um prensa cabo /P
Acionamento em outros ângulos (especificar)
Pintura sintética em qualquer cor (especificar)
Atende norma NBR 13.862  

INSTRUÇÕES GERAIS

1 - Classificação do invólucro à prova de explosão :

• Conforme normas EB-158 e EB-239 / ABNT esta chave atende à seguinte categoria:
• Divisão I : Ambientes com gases e vapores inflamáveis ou explosivos em condições normais de operação
• Classe I : Ambientes com gases e vapores inflamáveis ou explosivos
• Grupo IIA : Metano industrial (com pelo menos 10% de hidrogênio v/v; gás de alto forno, Monóxido de carbono, Propano, butano, Pentano hexano, heptano, isso-octano, Decano, Benzeno, ciclohexano, Amoníaco, acetona, Metiletilacetona, acetatos (etila, metila, n-propila, n-butila, amila), Alcoois (metílico, etílico, butílico, isobutílico, amílico), Nitrito de etila, cloroetileno.
• T6 :Temperatura máxima de operação : 85° C.

2 - Montagem das chaves :

• Durante a instalação desta chave, deve-se tomar especial cuidado com as superfícies retificadas entre a carcaça e a tampa. Não se deve riscar, amassar ou danificar de qualquer forma estas superfícies. Antes de parafusar a tampa, deve-se estar certo de que não há detrito de espécie alguma nas áreas de contato. A proteção à prova de explosão desta chave depende destes cuidados.
• As chaves detectoras de desalinhamento FL-412 EXP devem ser usadas nos dois lados da correia. Podem ser montadas tanto no lado de carga quanto no retorno da correia.
• Deve existir uma folga de 3 cm entre a correia e o rolete. A correia deve atingir perpendicularmente o rolete em seu ponto médio. Fig.1.
• A chave deve ser montada preferencialmente em uma base usinada, podendo, alternativamente, ser utilizada uma chapa fina (1/4") como base.
• As chaves devem ser espaçadas de cerca de 40 m. Condições especiais como transportador muito inclinado, altas velocidades, material perigoso, carregamento irregular, etc., podem indicar o uso de mais chaves.


3 - Conexões elétricas :

• As tubulações devem ser montadas de modo a não introduzir tensões na carcaças. Preferencialmente devem ser usadas ligações flexíveis. Em atmosferas muito poluídas, é aconselhável o uso de um selo junto à chave.
• Os condutores devem ter uma seção de cobre máxima de 2x1,5 mm² (cabo com terminal).


4 - Operação :

• Quando ocorre o desalinhamento da correia, esta se desloca atingindo o rolete da chave, que após inclinar 15 graus, aciona o contato interno de sinalização de desalinhamento. Caso não sejam tomadas medidas corretivas e o desalinhamento aumentar, o rolete continuará inclinando e ao atingir 30 graus, acionará o contato interno para desligar o equipamento. Se o desalinhamento ocorrer momentâneamente e a correia voltar à posição normal, o rolete da chave retorna automaticamente ao ponto inicial.

5 - Manutenção :

• As chaves são lubrificadas com graxa tipo bissulfito de molibdênio e estão em condições de operar em regime normal por vários anos. Ocasionalmente deverão ser levadas à oficina para limpeza e lubrificação.
• As peças sobressalentes são fornecids pela ELMEC. Para fazer a substituição, recomenda-se que a chave seja levada a uma oficina apropriada.
• Opcionalmente, a chave pode ser enviada à ELMEC para manutenção.



Dimensões:


 



Fig 1


Fig 2
Diagrama Elétrico
1NA+2NF por estágio
1NA+2NF um estágio
2NA+4NF (1 estágio)
15° ou 30°
1NF magnético por
estágio
1 SPDT magnético por estagio
15º
15º
15º
15º
30º
 
30º
30º
30º
Os dados deste catálogo técnico podem ser alterados sem aviso prévio
FL-412 EXP – Chave detectora de desalinhamento
Rev 7 (Julho/2009)
Elmec Comércio e Indústria Ltda. Telefone: +55 (31) 3421-4899 FAX: +55 (31) 3442-5053 Celular: +55 (31) 99954-0481
Avenida Perimetral, 2717 - Distrito Industrial Vale do Jatobá - CEP: 30.670-845 - Belo Horizonte/Minas Gerais - Brasil (Clique aqui para ver o mapa)